Como o picking pode influenciar a sua gestão logística

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Cada vez mais como parte do planejamento estratégico das empresas para aumentar a
lucratividade, a logística tornou-se um diferencial competitivo essencial para definir
margens mais flexíveis de preço nos insumos e de preço final do produto. Com uma
demanda por entregas mais rápidas, informações atualizadas sobre o transporte e a
segurança das cargas por rastreamento e o melhor custo-benefício, o Picking tornou-se
uma alternativa de otimização da gestão logística.

Mas o que é picking?

Picking nada mais é do que a separação dos pedidos feitos pelos seus clientes. É uma
forma de agilizar a coleta do mix de produtos no estoque e prepará-lo da forma mais
eficiente possível para ser enviado para a área de expedição, onde será conferido e
direcionado para o transporte.
Existem diversas formas de picking e cada uma funciona de forma diferente. As 4 mais
comuns no meio são:

Picking Discreto – um funcionário é responsável por iniciar e finalizar a separação dos
pedidos. Possui uma chance de erros menor, porém o tempo gasto na atividade é maior.
Ideal para estoques pequenos.

Picking por onda – cada funcionário é responsável pela separação de um tipo de pedido,
que é acumulado e processado conforme agendamento prévio. Ideal para produtos
divididos por categorias e para clientes que demandam entregas de acordo com prazos no
calendário.

Picking por lote – este modelo trabalha com o acúmulo de diversos pedidos para então o
colaborador fazer a separação de todos os itens de uma só vez. Como são concluídas
várias expedições ao mesmo tempo essa forma de trabalhar é chamada de separação por
lote. Ideal para quem trabalha com emissão de cargas divididas ou com uma ampla
variedade de produtos.

Picking por zona – com o picking por zona o armazém ou estoque é dividido em áreas
chamadas de zonas. Em cada zona são apenas armazenados produtos de uma certa
categoria, para que quando o pedido seja feito o funcionário já saiba onde cada item do
pedido está para fazer o picking. Muito utilizado por empresas com uma diversidade de
setores como amazon, wallmart, submarino, etc.

Cuidados para implementação de picking na sua logística:

  • Organiza as rotinas do estoque;
  • Padronize o processo de recebimento;
  • Dê prioridade aos produtos com mais pedidos;
  • Utilize um software para otimizar a produtividade e evitar erros.

Posts relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *